Select Your Style

Choose your layout

Color scheme

Tudo que você precisa saber sobre o Pilates

Fisioterapia
Pilates - Fisioterapia em SPA

Tudo que você precisa saber sobre o Pilates

Pilates, saiba o que é e quais benefícios você pode ter!

 

            O criador do método Pilates foi um alemão chamado Joseph Hubertus Pilates, nascido no ano de 1880. Quando menino, Joseph foi atormentado por doenças, incluindo asma, raquitismo e febre reumática, momento então que se tornou obcecado em superar suas deficiências.

Aos 14 anos já tinha decidido dedicar sua vida ao estudo e a prática de exercícios físicos, a fim de obter um corpo mais forte e saudável. Joseph aprofundou cada vez mais seus conhecimentos em anatomia, física, biologia, fisiologia e medicina tradicional chinesa, além de intensa prática esportiva envolvendo Kung-fu, luta Greco-romana, yoga, boxe, esqui e mergulho. Joseph possuía nessa época um corpo tão bem cuidado e uma condição física tão vigorosa e saudável que chegou a posar para alguns atlas de anatomia.

  Pilates - Fisioterapia em SPA         

Foi através dos conhecimentos adquiridos que Joseph desenvolveu e aperfeiçoou seu próprio método de exercícios chamado “Contrologia”, que mais tarde após sua morte ficou mundialmente conhecido como Método Pilates. Ele definiu a Contrologia como a arte de coordenar o desenvolvimento do corpo, mente e espírito, através de movimentos naturais sob o rígido controle da vontade, desenvolvendo força, estabilidade do centro do corpo, flexibilidade, controle muscular, postura e respiração, de forma que qualquer ser humano seja capaz de executar todas as suas tarefas e ocupações diárias com facilidade, naturalidade e espontaneidade sem correr risco de lesões.

            Após sua morte em 1967, o seu método ficou conhecido como “Pilates” e se difundiu pelo mundo todo.

O que é o Método Pilates?

O Método Pilates é um programa de exercícios que são aplicados no solo ou em aparelhos específicos desenvolvidos por ele. Trabalha o corpo e mente ao mesmo tempo, mantendo os dois no mais perfeito equilíbrio. Desenvolve desde a musculatura mais profunda, até a mais periférica, envolvendo força, flexibilidade e respiração. Todos os movimentos são precisos, coordenados e sem impacto. Não há movimentos rápidos ou violentos.

O número de repetições é baixo, a fim de que não se chegue à exaustão. Todos os exercícios acompanham o ritmo respiratório. Os movimentos realizados durante a execução de cada exercício devem respeitar a fluidez, leveza e a harmonia, sendo realizados de forma controlada.

Indicações do Pilates

            É indicado para pessoas que busquem o bem estar físico e mental, na reabilitação e prevenção de patologias diversas. Atletas, ginastas e bailarinos que busquem refinar seus movimentos nos mais variados gestos esportivos melhorando a performance e o condicionamento físico.

 

“Se aos 30 anos você está encurtado e fora de forma, você é um velho, se aos 60 você é forte e flexível, então você é jovem.”

                                                                                                          Joseph Pilates